Descubra como uma boa linguagem corporal contribui para uma boa entrevista de emprego

Linguagem Corporal - Como ela pode ajudar em entrevistas de emprego

Quando se está em uma entrevista de emprego, agir de forma natural e confiante é tão importante quanto falar bem.

Recrutadores, psicólogos e especialistas concordam que a linguagem não verbal comunica tanto ou até mais que a falada. Por isso, é importante prestar atenção em alguns detalhes se você quer realmente causar uma boa impressão.

Siga nossas dicas e aumente suas chances de sucesso!

1. Sorria. Um sorriso natural abre portas pois demonstra simpatia e receptividade. No entanto, evite exageros: pior que uma face carrancuda é ostentar um sorriso forçado.

2. Falar com convicção e manter um tom de voz constante pode fazer a diferença, uma vez que as nuances da voz podem denunciar nervosismo, insegurança e muitas outras emoções. Fale com calma e articule bem as palavras.

3. Cuidado com as mãos! Jamais aponte o dedo para o entrevistador, ao menos que você queira ser taxado como alguém agressivo. Gesticular não é proibido, mas evite excessos: o recrutador deve prestar atenção na mensagem, não em suas mãos.

4. Não se feche para as possibilidades. Cruzar os braços indica que você não está aberto ao diálogo e nem ao momento; portanto não faça isso!

5. Mantenha uma boa postura enquanto estiver sentado. Não se esparrame na cadeira e nunca escolha a cabeça entre os ombros quando lhe fizerem uma pergunta. Isso demonstra que você se sente inseguro e está na defensiva.

6. Ao cumprimentar o recrutador cuidado com a força do aperto de mão. Um aperto de mão frouxo pode ser encarado como falta de sinceridade, enquanto um aperto demasiadamente apertado indica arrogância e agressividade. O ideal é ser firme e direto.


por: Thiago Dantas.


Agora que você já sabe disso tudo, cadastre seu currículo na Manager Online e aumente suas chances de fazer entrevistas de empregos!

You may also like...

Deixe uma resposta