Paraná mantém liderança na criação de empregos na área industrial

Na semana passada o IBGE divulgou algumas informações que atestavam que o estado do Paraná tinha tido, em maio, um aumento de 5,5% em sua produção industrial – em comparação ao mesmo período do ano anterior. O crescimento da produção refletiu também no número de empregos, fazendo com que o número de profissionais empregados no Paraná aumentasse em 2,2%.

O índice deve ser comemorado, uma vez que de acordo com a Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário, o Paraná continua líder absoluto na criação de empregos na área industrial. Tendo vagas ancoradas na indústria de máquinas e aparelhos elétricos, eletrônicos e de comunicações (35,1%) e nas áreas têxtil (10,8%), minerais não metálicos (9,4%) e produtos químicos (8,5%), o estado apresentou de janeiro a maio o maior contingente de empregatício do país – crescendo 3,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

No que se refere a salários, o cenário é ainda mais animador: enquanto a média nacional apresentou um aumento de 1,1%, o salário dos trabalhadores da indústria paranaense cresceu 8,4%.

Para Gilmar Mendes Lourenço, presidente do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes), os bons índices de empregos no Paraná se devem, principalmente, ao dinamismo dos ramos agroindustrial, metalmecânico, petroquímico e da construção civil, somados à iniciativas privadas e estatais.

Seja como for, a tendência é que o mercado cresça ainda mais com datas como Dia dos Pais e Dia das Crianças.

por: Thiago Dantas.


Procurando vagas de empregos no Paraná?! Na Manager Online você encontra!

You may also like...